Não houve e nem haverá ninguém maior que Isabel de los Ángeles Ruano na Guatemala

Tradução do Beatriz Cannabrava, Revista Diálogos do Sul Que a poeta guatemalteca Isabel de los Ángeles Ruano vive na miséria e necessita ajuda, bah!, já se sabia há décadas. Mas na Guatemala nos encantam as erupções de desejo.  Nos encanta também aparentar, vivemos de aparências e do que dirão, e regemos nossas vidas em torno…